Uma caixa multibanco foi assaltada na madrugada de hoje na Póvoa da Isenta, Santarém, com recurso ao rebentamento daquele equipamento, informou a GNR.

Fonte da GNR de Santarém disse à agência Lusa haver suspeitas de que a explosão foi provocada com recurso a gás injetado na estrutura, tendo-se registado danos avultados no edifício da Junta de Freguesia da Póvoa da Isenta, onde aquele equipamento estava instalado.

«Fomos alertados por alguns populares cerca das 04:30, tendo o estrondo sido sentido e ouvido por muita gente», disse a mesma fonte, que acrescentou que a máquina foi «projetada do edifício para a via pública».

Quando a GNR chegou ao local, a caixa multibanco «estava aberta e o seu interior havia sido esvaziado», disse a mesma fonte.

Os autores do assalto puseram-se em fuga e o montante roubado não foi revelado.

O caso foi entregue à Polícia Judiciária.