acidente provocado por um cavalo





"As testemunhas inquiridas declararam que o animal não era de sua propriedade e que não sabem quem era o proprietário. E, apesar de todas as diligências efetuadas, não foi possível chegar ao registo do animal, uma vez que se pode concluir que tal registo, muito provavelmente, nunca existiu", pode ler-se no despacho em que é determinado o arquivamento dos autos, datado do dia 10 deste mês.

chip





chip