«O fotojornalismo nasce da ideia de chegar às pessoas numa linguagem que todos podem entender, criar histórias visuais que chamam a atenção de uma forma que não pode ser ignorada. Quando recebes um prémio, isso dá-te uma oportunidade para mostrar às massas histórias em que tens interesse», explicou Peter à agência Lusa.


«Este prémio é importante porque, primeiro, é dado por uma organização que representa todos os fotojornalistas nos Estados Unidos e, segundo, porque tem em conta todo o trabalho feito durante um ano, mostrando que foste consistente», explicou Peter Pereira à agência Lusa.