A 46.ª edição da ModaLisboa, que encerra este domingo, conta com 30 estilistas e cerca de 20 mil visitantes, segundo números da organização fornecidos à agência Lusa.

De acordo com os mesmos dados, o evento é produzido por cerca de 400 pessoas e são 150 os modelos que desfilam.

Na edição anterior da ModaLisboa, que decorreu em outubro passado sob o tema "The timers", verificou-se um número semelhante de visitantes, mas menos jornalistas.

Se o total de jornalistas nacionais se manteve em 350, o número de repórteres estrangeiros passou de quase 450 para 500.

Além dos desfiles, que apenas são acessíveis por convite, houve também atividades abertas ao público em geral, de entrada gratuita.

Uma delas foi o Wonder Room, uma 'pop-up store' (loja temporária) que contou com 24 marcas nacionais, na Praça do Município.

Já na Sala do Risco, no Pátio da Galé, foi possível acompanhar-se por imagens os três dias de desfiles através das lentes dos fotógrafos Arlindo Camacho, Nian Canard e da dupla Miguel Domingos e Raul Chan Caldeira. A mostra "Workstation" foi construída ao longo dos três dias.

Nos Paços do Concelho esteve patente outra exposição, "Gineceu Androceu", concebida por João Telmo.

Esta edição da ModaLisboa, que faz agora 25 anos, decorreu sob o tema "Kiss".