A Polícia Nacional de Espanha deteve em Huelva um cidadão de nacionalidade portuguesa que supostamente matou uma mulher, noticiou esta sexta-feira a imprensa espanhola, escreve a Lusa.

Segundo a agência EFE, o português, de 48 anos, já possuía antecedentes policiais por delitos violentos. A Polícia Nacional informou que o cadáver da mulher, de 53 anos, foi encontrado na noite de 23 de Fevereiro e, até ao momento, não foi determinada a causa da sua morte.

Segundo as investigações policiais e judiciais, o crime teria ocorrido entre os dias 22 e 23 deste mês. Os dois ter-se-iam há menos um mês e viviam juntos num apartamento de um edifício abandonado da rua Duque de la Victoria, próximo ao Mercado del Carmen, em Huelva, quando o crime aconteceu.

Segundo a polícia, o suspeito incorreu em várias contradições ao ser interrogado e foram recolhidos importantes vestígios no local do crime que estão a ser analisados pelas autoridades competentes. O cidadão português foi posto à disposição da autoridade judicial, que decretou a sua prisão preventiva.