“Vamos tentar ganhar algumas semanas na validação de turmas em cerca de 15 dias, para o público e para o privado”, disse a secretária de Estado Alexandra Leitão, na comissão parlamentar de Educação, onde esta tarde a equipa ministerial liderada por Tiago Brandão Rodrigues esteve a ser ouvida, no âmbito das audições regimentais do executivo.