Um curto-circuito, registado esta segunda-feira, pelas 18:32, num posto de transformação da EDP em Alfornelos deixou três mil pessoas sem energia, de acordo com o gabinete de comunicação e relações públicas da EDP Distribuição.

De acordco com a mesma fonte, em declarações à Lusa, o incidente, que afectou clientes da EDP em Alfornelos, Falagueira, Venda Nova e Brandoa, no Concelho da Amadora, «provocou algum barulho e fumo mas não causou danos em pessoas ou bens, tendo ficado circunscrito à cabine do posto de transformação».

A responsável do gabinete de comunicação e relações públicas da EDP Distribuição assegurou ainda que «metade dos clientes afectados» tinha a energia reposta às 19:30.

A EDP prevê que apenas 200 pessoas servidas pelo posto de transformação onde se registou a explosão não tenham energia da rede tão rapidamente, «pelo que será ligado um gerador que as abasteça até a situação estar resolvida».