Uma mulher morreu esta manhã na linha do Douro, na estação de Mosteirô, Baião, onde foi atropelada por um comboio que fazia a ligação entre o Porto e a Régua, disse à Lusa fonte dos bombeiros.

Segundo a fonte, a vítima foi colhida pelo comboio, cerca das 10:30, quando atravessava a linha, pouco depois de a composição da CP ter parado na estação.

«O que se sabe, pelo que se vê no local, é que a vítima foi apanhada pele parte da frente do comboio», disse à Lusa o comandante dos bombeiros de Baião, José Costa.

O comboio, composto por três composições, ainda se encontra imobilizado na linha para permitir as operações de remoção do corpo, enquanto se aguarda a presença da autoridade de saúde.

Fonte da CP disse à Lusa que o acidente provocou atrasos na circulação naquela linha, mas adiantou que o comboio retomará em breve a viagem em direção à Régua com duas das três composições.