A Polícia Judiciária  anunciou hoje a detenção, na Covilhã, de um homem de 39 anos, suspeito da prática dos crimes de abuso sexual de crianças, de atos sexuais com adolescentes e de pornografia de menores.

Segundo uma nota do Departamento de Investigação Criminal da PJ da Guarda, o homem é "fortemente suspeito" da prática continuada, desde há aproximadamente um ano, dos referidos crimes.

Os factos imputados ao detido são reveladores de uma persistente insistência telefónica da sua parte para a marcação de encontros físicos com a vítima [uma menor de 14 anos], no decurso de alguns dos quais vieram a ocorrer parte dos atos em investigação".

O detido, já condenado por ofensas à integridade física, vai ser presente às autoridades judiciárias competentes para primeiro interrogatório judicial e submissão a adequadas medidas de coação.