A Polícia Judiciária (PJ) de Braga deteve um homem de 48 anos que tinha na sua posse milhões de ficheiros multimédia de natureza pornográfica envolvendo menores, alguns deles «de tenra idade», informou esta quinta-feira aquela força.

Segundo a PJ, o detido, comerciante e residente em Braga, está «fortemente indiciado» pelo crime de pornografia de menores.

A PJ apreendeu-lhe vários computadores, discos externos e outros suportes informáticos, contendo milhões de ficheiros multimédia de natureza pornográfica envolvendo menores.

O arguido obteria esses ficheiros através da Internet e depois partilhava-os, difundia-os e guardava-os.

Na operação, foi-lhe ainda apreendida uma arma proibida.

O detido foi presente às autoridades judiciárias competentes para interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de caução e apresentações semanais no posto policial da área da residência.