A Guarda Nacional Republicana deteve 349 pessoas, durante os últimos seis dias, 192 dos quais por condução sob o efeito de álcool, além de ter apreendido 32 doses de cocaína, 29 de heroína e 929 de haxixe.

Em comunicado, a GNR anunciou que as operações que levaram à detenção de 349 pessoas realizaram-se em todo o território nacional, entre 4 e 10 de setembro.

De entre os detidos a força de segurança destacou também 21 por tráfico de estupefacientes, 13 por posse de armas brancas e 14 por furto.

Além da droga apreendida, a GNR revela que foram igualmente confiscadas 36 armas de fogo, 21 armas brancas, 468 munições, 13 veículos e 516 euros.

Quanto às operações relacionadas com o trânsito, a GNR fiscalizou 24.849 condutores, tendo detetado 8.642 infrações, entre as quais, 2.177 por excesso de velocidade e 547 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei.

Foram detetadas 597 pessoas sem cinto de segurança ou utilizando incorretamente o mesmo, assim como as cadeiras para crianças. Trezentos e vinte e dois veículos não tinham a inspeção periódica obrigatória, 495 condutores usavam indevidamente o telemóvel e 148 não tinham seguro.