A GNR deteve 180 pessoas, a maioria por condução sob o efeito do álcool, no âmbito da atividade operacional realizada durante o fim de semana em todo o país.

Num comunicado de imprensa, o comando-geral da GNR avança que, durante o fim de semana, 93 pessoas foram detidas por excesso de álcool, 45 por condução sem habilitação legal, nove por tráfico de droga, três por pesca ilegal, duas por posse ilegal de arma e duas por furto.

Segundo a GNR, as detenções surgiram no âmbito de um conjunto de operações realizadas, no sábado e no domingo, com o objetivo de prevenir e combater a criminalidade violenta e de promover a fiscalização rodoviária, essencialmente nos distritos de Beja, Braga, Bragança, Évora, Faro, Guarda, Leiria, Lisboa, Porto, Santarém, Portalegre e Viana do Castelo.

Durante o fim de semana, a Guarda Nacional Republicana elaborou também 170 autos de notícia em flagrante delito, levantou 2.238 contraordenações e apreendeu 47,5 doses de droga.

No âmbito das várias operações foram ainda apreendidas uma arma de fogo, duas armas brancas, dois veículos ligeiros, 2.250 euros em numerário, 14 cigarros manufaturados, 16 canas de pesca, nove carretos, nove suportes metálicos utilizados na pesca e um pé de cabra.