(ACTUALIZADA ÀS 7:46)

A operação realizada pela PSP durante a quadra carnavalesca deste ano, ao longo de oito dias, levou à detenção de 448 pessoas por diversos crimes, destacando-se entre as causas a condução sob efeito de álcool (232), anunciou aquela força de segurança, refere a Lusa.

O reforço do patrulhamento em zonas de maior concentração de pessoas entre 17 e 25 de Fevereiro levou a que fossem «detectados e detidos 448 cidadãos por diversos crimes», destacando-se «232 por condução sob efeito de álcool com mais de 1,2 gramas por litro de álcool no sangue».

Segundo os resultados globais nacionais da «Operação Carnaval em Segurança 2009», divulgados pela PSP na noite de quinta-feira, foram também «detidas 63 pessoas sem habilitação legal para conduzir, 75 por mandado de detenção, 15 por posse de arma ilegal e 17 por furto e roubo».

Comparativamente ao mesmo período de 2008, este ano houve um ligeiro aumento no número de acidentes de viação (1.320), mais feridos graves (14) e um igual numero vítimas mortais (três), segundo o balanço da PSP.

Os mesmos dados referem que nos oito dias da operaçao foram fiscalizados um total de 23.091 viaturas, «mais 2.525 que no ano passado».

Foram também fiscalizados 332 condutores com excesso de álcool (entre 0,5 e 1,2 gramas por litro de sangue), um número «claramente acima dos 220 verificados no ano transacto», refere a PSP.

Na «Operação Carnaval em Segurança 2009», estiveram envolvidos, a nível nacional, cerca de 5.000 efectivos e quase 1.500 viaturas da Polícia de Segurança Pública (PSP).