A Polícia Judiciária deteve um homem de 57 anos suspeito da prática do crime de homicídio qualificado da ex-companheira, cujo cadáver foi encontrado na sua residência, na passada segunda-feira, no Porto, divulgou esta sexta-feira aquela força policial.

De acordo com a PJ, o crime terá sido cometido a 30 de outubro, “através da sufocação da vítima, tendo ocorrido no interior da habitação desta, quando a mesma regressou do trabalho”.

O detido vai ser presente à competente autoridade judiciária, para primeiro interrogatório judicial e aplicação das adequadas medidas de coação.