Notícia atualizada

As buscas para encontrar o turista alemão que hoje desapareceu nos mares da Achada da Cruz, no concelho do Porto Moniz, no norte da ilha da Madeira, foram «infrutíferas», disse o comandante da Capitania do Porto do Funchal.

Félix Marques disse à agência Lusa que a operação de busca, que terminou às 19:00 «foi até ao limite da autonomia do helicóptero e da visibilidade».

«Amanhã [segunda-feira] vamos avaliar a situação e as condições de mar e se forem favoráveis retomaremos as buscas», disse.

«Está desaparecido no mar que banha a Achada da Cruz, na zona onde existe um teleférico, um turista alemão de 63 anos que se encontrava acompanhado por um seu conterrâneo, que deu o alerta à PSP do Porto Moniz», disse à agência Lusa o comandante da Capitania do Porto do Funchal, Félix Marques.

Segundo o comandante, a situação foi reportada pelas 15:00 horas.

Durante a tarde estiveram no local uma embarcação salva-vidas e uma mota de água da autoridade marítima e o helicóptero EH101 da Força Aérea Portuguesa.

A Capitania do Porto do Funchal emitiu hoje um aviso de agitação marítima forte para a costa norte do arquipélago da Madeira.