Um homem terá desaparecido na madrugada deste domingo, em Monção. Nove operacionais dos Bombeiros de Monção e da Polícia Marítima de Caminha estão a efetuar buscas na margem do rio Minho, em Messegães.

Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viana do Castelo, aqui citado pela Lusa, o alerta para o desaparecimento do homem foi dado às 12:42.

Foram mobilizados para o local duas viaturas e sete homens dos Bombeiros Voluntários de Monção e uma viatura da Capitania do Porto de Caminha, com dois elementos.

Estes nove operacionais estão a efetuar buscas na margem do rio Minho, nas imediações do local onde durante a madrugada de hoje terá desaparecido o homem.

De acordo com o Jornal de Notícias, que cita o Comandante da Capitania do Porto de Caminha, Pedro Cervaens, a operação foi desencadeada após uma mulher ter alertado para o desaparecimento do marido, que terá “saído de casa durante a noite para ir a uma pesqueira (estruturas em pedra nas margens do rio, onde são colocadas redes para pescar lampreia)”.

“Perto do local foi encontrada a viatura do desaparecido, mas até ao início da tarde não havia qualquer outro sinal do homem”, escreve o jornal na sua página na Internet, acrescentando que na zona está ainda “uma equipa de resgate em águas bravas”, com mergulhadores, mas devido “à força do rio” naquela zona “estão a avaliar se há condições de segurança para avançar com buscas aquáticas”.