À semelhança do que aconteceu em 2013, o primeiro-ministro britânico está a passar férias em Portugal. Desta vez, David Cameron e a mulher Samantha visitaram um mercado em Cascais. Os dois voltaram a ser fotografados junto à banca do peixe e com uma indumentária muito semelhante à do ano anterior. Ele de camisa azul e ela de vestido preto, destaca o jornal britânico «Daily Mail».

A passar férias em Cascais, o chefe do Governo britânico «cumpriu a tradição» de visitar um mercado local, deixando-se fotografar em frente a uma banca de peixe. Uma atitude e uma imagem em tudo semelhante à que foi publicada em 2013, quando David Cameron e a mulher Samantha passaram férias em Aljezur, vila portuguesa do distrito de Faro.

O primeiro-ministro tem vindo a visitar vários mercados, criando oportunidades fotográficas, para amenizar a imagem de «sofisticação» de que é acusado pela oposição do partido Trabalhista.

Terá sido já em Cascais que Cameron soube da demissão da ministra inglesa das Comunidades e da Fé. A Baronesa Warsi anunciou a saída do governo por não concordar com a política britânica sobre o conflito em Gaza e teceu duras críticas ao executivo. O primeiro-ministro também foi criticado por ter passado um dia em Portugal no sábado e depois ter viajado para três cidades europeias diferentes, regressando em seguida ao país para continuar as férias em família.

David Cameron regressou, esta terça-feira, a Cascais para passar férias, depois de assistir às cerimónias alusivas à Primeira Guerra Mundial que decorreram em França e na Bélgica. A mulher e os filhos Nancy, Elwen e Florence já estavam em Portugal desde sábado.

David Cameron começou as férias de 10 dias no sábado e embora não se saiba quanto tempo ficará em Portugal, vai passar pelo sítio tradicional de férias da família, na Cornualha, e ainda vai fazer um curto período de descanso na Escócia.