Uma mulher de 50 anos suspeita de ter amputado vários dedos ao seu companheiro e de o ter sequestrado numa residência em Valongo, Porto, durante a madrugada de terça-feira, foi detida pela Polícia Judiciária, informou esta quarta-feira aquela autoridade.

A detida, de 50 anos de idade, terá desferido “inúmeros golpes na cabeça e membros superiores da vítima” que lhe provocaram “lesões graves e permanentes, inclusivamente com amputação de vários dedos”, conta a Polícia Judiciária, acrescentando que os crimes ocorreram por “razões ainda não totalmente apuradas”.

A polícia refere que a suspeita, depois de ter cometido as agressões, “terá abandonado a vítima na residência de ambos sem qualquer tipo de assistência”, tendo fechado a habitação para que o companheiro não pudesse sair em busca de auxílio.

O companheiro só conseguiu pedir ajuda aos bombeiros pelas 03:30, via telemóvel.

Foi depois encaminhado para o hospital.

A detida ainda vai ser presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação de adequadas medidas de coação.