O suspeito de ter matado o proprietário de um bar em Mafra, na madrugada de sábado, ficou hoje em prisão preventiva depois de ter sido ouvido no tribunal de Sintra, disse à Lusa fonte da Polícia Judiciária.

O jovem de 20 anos foi detido na segunda-feira à noite e é suspeito de ter esfaqueado mortalmente um dos proprietários de um bar em Mafra.

Segundo a PJ, o suspeito ter-se-á envolvido numa discussão no interior do estabelecimento e, já fora do bar, terá esfaqueado o proprietário, provocando um «golpe profundo numa zona vital», que resultou na sua morte.

O detido, que reside no concelho de Mafra e que foi detido na segunda-feira, terá ainda atingido a namorada da vítima, que ficou apenas com ferimentos ligeiros.

Fonte policial disse à agência Lusa que o suspeito estava referenciado pelas autoridades por várias vezes ter estado envolvido «em desacatos» em bares do concelho de Mafra.

«Há várias situações em que esteve envolvido em desacatos junto a bares. É um indivíduo que normalmente está envolvido em desacatos a meio da noite», disse a mesma fonte.

O detido foi hoje presente ao tribunal de Sintra para primeiro interrogatório judicial.