Notícia atualizada às 18:59

Uma menina de seis meses morreu, esta terça-feira, num infantário de Queluz, Sintra. As causas da morte são ainda desconhecidas.

De acordo com fonte da PSP de Lisboa, citada pela Lusa, o caso ocorreu cerca das 15:00, quando a educadora se deslocou ao berço onde se encontrava o bebé e se apercebeu que tinha «sangue a sair da boca», tendo chamado o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

Ainda de acordo com a polícia e de acordo com informação que a jornalista da TVI conseguiu confirmar no local, o INEM efetuou manobras de reanimação que se revelaram infrutíferas, tendo sido declarado o óbito no local.

A Lusa contactou o INEM, mas sem sucesso. Os bombeiros de Queluz confirmaram que foram chamados ao infantário e não adiantaram mais informações.

João Costa, gerente do infantário, disse à TVI que a instituição vai aguardar pela autópsia ao corpo da bebé antes de tecer mais considerações sobre o caso. O responsável aproveitou para «tranquilizar os pais das outras crianças».