A Polícia de Segurança Pública (PSP) já localizou a mulher que no domingo abandonou dois meninos na unidade de Vila Real do Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro (CHTMAD), sabe a TVI.

As autoridades entregaram a mulher à Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ), que já abriu um processo de promoção e proteção dos menores, devido ao risco de abandono.

A mulher, de Chaves, deixou os dois meninos no hospital, um dia depois do nascimento das crianças.

Segundo disse fonte da comissão à Lusa, esta mulher, que possui mais uma filha, já estava sinalizada pela CPCJ devido a problemas de toxicodependência. Após ter sido informada pelo CHTMAD do abandono das crianças, a CPCJ tentou entrar em contacto com a mãe, que esteve esta manhã nas instalações.

Fonte da PSP disse à Lusa que foi a pedido da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens que notificou a mulher para se apresentar naquela organização.

A CPCJ informou que ainda nada está decidido quanto ao futuro dos menores, que continuam internados na Unidade de Neonatologia do Hospital de São Pedro, em Vila Real.

O CHTMAD disse que os dois meninos nasceram no sábado e que a mãe das crianças se ausentou do serviço de obstetrícia no dia a seguir, no domingo, “sem dar qualquer informação sobre o motivo da saída ou intenção de procedimento futuro”.

O centro hospitalar referiu que as crianças “estão desde o nascimento entregues ao cuidado do CHTMAD, clinicamente estáveis, e a receber os cuidados médicos adequados à respetiva situação clínica”.

Contactada pela agência Lusa, fonte da Procuradoria-Geral da República disse que o Ministério Público já tem conhecimento do caso e iniciou na terça-feira as “diligências adequadas à proteção dos menores e à obtenção dos elementos necessários à instauração dos competentes processos no âmbito do Tribunal de Família e Menores e, eventualmente, no âmbito criminal”.