A Câmara Municipal da Covilhã anunciou esta sexta-feira «medidas de apoio aos mais desfavorecidos, no âmbito da política social do município», em que se incluem refeições a um euro para utentes do Cartão Social Municipal, escreve a lusa.

Segundo a autarquia, as medidas estão orçadas em «cerca de 1,5 milhões de euros por ano». A Câmara vai oferecer gratuitamente «as refeições e prolongamento de horário a todas as crianças das escolas do 1º Ciclo e de todos os jardins-de-Infância», refere um comunicado da autarquia.

Banco Alimentar colabora

Em colaboração com o Banco Alimentar Contra a Fome e Conferências Vicentinas, o município vai ainda apoiar a aquisição de medicamentos e alimentação às famílias carenciadas.

No âmbito do Cartão Social Municipal, que abrange mais de 15 mil utentes com mais de 60 anos de idade, «a Câmara vai disponibilizar a cantina dos Serviços Sociais para refeições a um euro».

Congelar rendas

A autarquia vai ainda congelar as rendas, «de cerca de mil fogos de habitação social, durante o ano 2009», adianta o comunicado. «Com estas medidas, pretende-se assegurar um contributo muito significativo para a estabilidade social do concelho da Covilhã», conclui o documento.