A GNR deteve mais de 30 pessoas e apreendeu artigos falsificados no valor de 185 mil euros durante uma operação realizada este mês no distrito de Santarém, em que foram também apreendidas seis armas, anunciou o Comando Territorial.

Várias operações decorreram até sexta-feira nos concelhos de Ourém, Tomar, Alcanena, Torres Novas, Chamusca, Coruche, Rio Maior, Santarém, Almeirim, Salvaterra de Magos, Benavente e Coruche.

Três pessoas foram detidas por posse de arma, 11 por tráfico de droga, cinco por furto de viatura e 10 por venda de material contrafeito, duas por posse ilegal de cartões multibanco e uma por permanência ilegal no país.

A GNR afirma em comunicado que apreendeu 1.994 artigos falsificados, 250 gramas de droga e três viaturas, tendo recuperado 11 veículos.

No âmbito da intervenção rodoviária, foram detidos 46 condutores, dos quais 25 por cento por condução sob o efeito de álcool (taxa igual ou superior a 1,20 gramas) e 16 sem carta de condução.

Foram fiscalizados 3.868 condutores e elaborados 1.227 autos, dos quais 460 por excesso de velocidade, 49 por condução por condução sob efeito de álcool, 59 por falta de inspeção periódica, 43 por uso de telemóvel, 34 por falta se seguro e 58 por não estarem a usar cinto de segurança, entre outras situações, noticia a Lusa.

Até ao final de dezembro, a GNR vai desenvolver as operações ¿Comércio Seguro¿ e ¿Natal/Ano Novo 2013/14¿.