A Polícia Judiciária deteve quatro homens e uma mulher suspeitos da prática de crimes de contrafação de títulos equiparados a moeda, passagem de moeda falsa em concertação com o falsificador, falsificação de documentos e burla informática qualificada.

Em comunicado, a PJ informa que os detidos têm entre 20 e 36 anos e que as detenções foram feitas pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção (UNCC) na sequência de uma operação de combate à contrafação e fraude com cartões de crédito, durante as quais foram realizadas dez buscas domiciliárias e não domiciliárias.

A operação envolveu 50 inspetores, decorreu na área da Grande Lisboa e permitiu desmantelar um dos mais importantes grupos que se dedicava à contrafação de cartões bancários e da prática de burlas na aquisição de bens e serviços, num valor superior a um milhão de euros, acrescenta o comunicado.

No âmbito desta operação já tinham sido detidos um homem e uma mulher a quem o tribunal decretou prisão preventiva.

Os cinco detidos vão ser presentes a um juiz hoje para o primeiro interrogatório judicial, concluiu o documento.