O Hospital dos Covões retomou a actividade normal ao final da manhã desta quarta-feira, após o incêndio do quadro eléctrico geral na madrugada de terça-feira, que o deixou sem energia durante algumas horas, noticia a Lusa.

A partir do final da manhã o abastecimento de energia passou a ser feito pela rede geral, sem recurso a geradores, a partir da entrada em pleno funcionamento de um novo quadro eléctrico, embora ainda provisório, explicou fonte do gabinete de imprensa do hospital.

A meio da manhã apenas se mantinham a funcionar com recurso a geradores eléctricos os serviços de oftalmologia, medicina e cirurgia/homens.

Os 11 doentes que na madrugada de terça-feira foram transferidos para os Hospitais da Universidade de Coimbra e de Aveiro, por se encontrarem «ligados a máquinas», também já regressaram aos Covões.

Um incêndio no quadro geral, por causas desconhecidas, cerca das 00:16 de terça-feira, deixou sem energia eléctrica o Hospital dos Covões durante algumas horas, obrigando ao recurso a geradores de emergência para a manutenção em funcionamento dos principais serviços.