A forte chuva que caiu durante a noite na Madeira provocou danos num conjunto de estradas nos concelhos de Santa Cruz (na Camacha), Machico (Portela e Porto da Cruz) e Santana, disse hoje o presidente das Estradas da Madeira.

«Houve alguma coisa de anormal entre a Camacha e o Porto da Cruz», declarou Francisco Tabuada esta manhã, referindo que devido à forte precipitação «há um conjunto de estradas danificadas, estando a ligação Santo da Serra-Portela interrompida porque desabou um pedaço da estrada».

O responsável acrescentou que existem também problemas na ligação Portela-Porto da Cruz, «com muitas quebradas em vários sítios», e na que na Via Expresso, na entrada do Porto da Cruz, «o ribeiro invadiu a estrada».

Francisco Taboada apontou que existem «outras situações graves na freguesia do Faial [Santana], com uma zona bastante danificada».

«Há situações graves, temos todos os meios mobilizados, há estradas interrompidas, mas esperamos ter em breve as coisas resolvidas», declarou, apontando que alguns problemas possam estar minimizados ao final da manhã.

O sítio do Serviço Regional da Proteção Civil informa estarem encerradas as estradas regionais 103 (entre a 217 e o Cabouco), 110 (entre a Serra e a Portela e entre a Portela e o Porto da Cruz-centro), 217 (São Roque do Faial) e 105, entre a Encumeada e o Lombo do Mouro.

A Proteção Civil acrescenta que está condicionada a circulação na estrada regional da Falca e está interdito o trânsito a viaturas pesadas a ligação Seixal-Chão da Ribeira.

Também no terreno está o diretor regional de Infraestruturas e Equipamentos, Daniel Figueiroa, que afirmou haver «máquinas a proceder à limpeza do leito da ribeira» no Porto da Cruz.

Os secretários regionais dos Assuntos Sociais, Francisco Jardim Ramos, e o do Ambiente e Recursos Naturais, Manuel António Correia, também se deslocaram ao Porto da Cruz.

Manuel António Correia declarou que se registou «pequenos acidentes», sendo necessário «estabelecer os serviços básicos, circulação, água e luz», e considerou que o »mais importante neste momento são as intervenções de emergência».

A forte chuva que caiu esta madrugada na Madeira afetou sobretudo localidades nos concelhos de Machico, Santa Cruz e Santana.

O caso mais grave é na freguesia do Porto da Cruz onde há registo de várias casas danificadas, feridos ligeiros e dificuldades nos acessos à localidade.