O mau tempo que está a afetar o país já originou 113 ocorrências em Portugal continental desde as 18:00, sobretudo nos distritos de Viseu e de Vila Real, com várias estradas cortadas devido à queda de neve, segundo fontes da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) e da GNR.

Segundo a mesma fonte, existem várias estradas cortadas ou interrompidas devido à queda de neve, com a ANPC a apelar às pessoas que façam apenas as “viagens indispensáveis” e que evitem os locais onde caiu neve.

VEJA TAMBÉM:

Fonte da GNR disse à Lusa que também a A4 está cortada entre os quilómetros 102 e 115, em Alijó, devido à queda de neve.

Existem vários cortes de estradas devido à queda de neve, em especial em Vila Real, e problemas em vários locais, como Montalegre, Alijó, Chaves, Cinfães ou Valpaços, entre outros, alguns sem alternativas, como é o caso da Estrada Nacional 212”, disse.

A GNR está no local a tentar encaminhar as pessoas.

A GNR está no local juntamente com a Proteção Civil. Existem limpa-neves a trabalhar, mas existem locais com o trânsito muito embaraçado desde as 18.00”, explicou.

Os serviços municipais de Proteção Civil de Alijó e Vila Pouca de Aguiar decidiram manter suspensas as atividades letivas na quarta-feira, devido às previsões de queda de neve e formação de gelo durante a noite.

O nevão que atingiu o distrito de Vila Real levou à suspensão das aulas em 11 dos 14 concelhos, durante o período da tarde, como medida de prevenção e para efetuar o transporte dos alunos mais cedo para casa.

Devido ao prolongamento do 'Alerta Laranja' pelo Instituto Português do Mar e Atmosfera (IPMA) para as próximas horas, o serviço municipal de Proteção Civil de Alijó informou que decidiu manter suspensas as atividades letivas durante o dia de quarta-feira, uma medida que afeta cerca de mil alunos.

Prevê-se formação de gelo durante a noite e agravamento do mau tempo, dificultando a circulação na rede viária municipal”, referiu fonte da autarquia.

A Proteção Civil de Alijó irá reunir para fazer o ponto de situação às 06:00 de quarta-feira.

Na quarta-feira, ficarão também fechados os estabelecimentos do Agrupamento de Escolas de Vila Pouca de Aguiar, onde estudam cerca de mil alunos, devido à queda de neve e acumulação de gelo nas estradas.

Esta tarde, os estudantes regressaram mais cedo a casa em Vila Real, Alijó, Sabrosa, Murça, Boticas, Chaves, Valpaços, Ribeira de Pena, Vila Pouca de Aguiar, Montalegre e Santa Marta de Penaguião, desde o Douro até à zona do Alto Tâmega.

Devido ao prolongamento do 'Alerta Laranja' pelo Instituto Português do Mar e Atmosfera (IPMA) para as próximas horas, o serviço municipal de Proteção Civil de Alijó informou que decidiu manter suspensas as atividades letivas durante o dia de quarta-feira, uma medida que afeta cerca de mil alunos.

Na quarta-feira, ficarão também fechados os estabelecimentos do Agrupamento de Escolas de Vila Pouca de Aguiar, onde estudam cerca de mil alunos, devido à queda de neve e acumulação de gelo nas estradas.