O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para esta segunda-feira nas regiões do norte e centro períodos de céu muito nublado, apresentando-se muito nublado e com possibilidade de ocorrência de períodos de chuva fraca ou chuvisco no litoral até meio da manhã, aguaceiros e condições favoráveis à ocorrência de trovoada, em especial nas regiões do interior e durante a tarde.

Está também previsto vento fraco a moderado do quadrante oeste, neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais e descida de temperatura, em especial da máxima.

No sul prevê-se céu geralmente muito nublado, diminuindo gradualmente de nebulosidade a partir do meio da manhã, possibilidade de ocorrência de aguaceiros no Alto Alentejo até meio da tarde, vento em geral fraco do quadrante oeste, soprando moderado durante a tarde na costa sul do Algarve.

A previsão aponta ainda para neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais e descida de temperatura.

Em Lisboa as temperaturas vão oscilar entre 20 e 26 graus Celsius, no Porto entre 18 e 24, em Bragança entre 15 e 28, em Viseu entre 16 e 26, na Guarda entre 14 e 25, em Castelo Branco entre 16 e 30, em Coimbra entre 18 e 28, em Portalegre entre 16 e 28, em Évora e Beja entre 16 e 31, em Santarém entre 18 e 29 e em Faro entre 19 e 25.
 

Aviso amarelo devido à chuva


Os distritos de Bragança, Guarda e Castelo Branco e as ilhas do Corvo e Flores estão hoje sob aviso amarelo devido à previsão de chuva.

De acordo com o instituto, os distritos de Bragança, Guarda e Castelo Branco e as ilhas do Corvo e Flores, no grupo ocidental dos Açores, estão sob aviso amarelo, o terceiro mais grave de uma escala de quatro, devido à previsão de aguaceiros por vezes fortes e acompanhados de trovoadas.

O IPMA indica que o aviso para Bragança, Guarda e Castelo Branco entrou em vigor às 22:00 de domingo e termina às 18:00 de hoje.

Segundo o instituto, o aviso amarelo para as ilhas do grupo ocidental dos Açores entra em vigor às 15:00 de hoje e termina às 03:00 de terça-feira.

Nos Açores prevê-se para o grupo ocidental (Flores e Corvo) céu muito nublado, períodos de chuva e aguaceiros, por vezes fortes a partir da tarde e vento sueste moderado, rodando para leste e tornando-se muito fresco com rajadas até 70 quilómetros por hora.

Para o grupo central (S. Jorge, Terceira, Graciosa, Pico, Faial) prevê-se céu geralmente muito nublado, períodos de chuva a partir da noite e vento sueste bonançoso a moderado.

O IPMA prevê para o grupo oriental (S. Miguel e Santa Maria) períodos de céu muito nublado com abertas e vento leste bonançoso, rodando para sueste.
 

Madeira sob aviso amarelo devido ao tempo quente


O arquipélago da Madeira está hoje sob aviso amarelo, o terceiro mais grave de uma escala de quatro, devido à previsão de tempo quente.

De acordo com o IPMA, o arquipélago da Madeira está sob aviso amarelo devido à previsão de persistência de valores elevados da temperatura máxima.

O IPMA indica que o aviso entrou em vigor às 22:00 de domingo e termina às 20:00 de hoje.

O aviso amarelo é emitido pelo IPMA sempre que existe uma situação de risco para determinadas atividades que dependem do estado do tempo.

O IPMA prevê para hoje no arquipélago da Madeira céu com períodos de muita nebulosidade, períodos de chuva ou aguaceiros, mais frequentes até ao final da manhã e vento fraco.

No Funchal as temperaturas vão variar entre 23 e 28 graus Celsius.
 

Risco muito alto de exposição à radiação ultravioleta


Quase todas as regiões do país apresentam hoje risco muito alto e alto de exposição à radiação ultravioleta (UV).

De acordo com o instituto, Beja, Faro, Funchal, Porto Santo, Santarém, Horta e Ponta Delgada (Açores) apresentam hoje risco muito alto de exposição à radiação ultravioleta, enquanto Aveiro Bragança, Braga, Castelo Branco, Coimbra, Évora, Guarda, Leiria, Lisboa, Penhas Douradas, Porto, Portalegre, Setúbal, Sines, Viana do Castelo, Viseu, Vila Real, Santa Cruz das Flores e Angra do Heroísmo (Açores) estão com níveis altos.

O IPMA indica que a região de Sagres apresenta hoje risco moderado de exposição à radiação UV.
 

Onze concelhos de cinco distritos em risco muito elevado de incêndio


Onze concelhos dos distritos de Faro, Beja, Castelo Branco, Santarém e Guarda apresentam hoje risco muito elevado de incêndio.

De acordo com o IPMA, em risco muito elevado de incêndio estão os concelhos de Monchique (Faro), Mação e Sardoal (Santarém), Barrancos (Beja), Vila de Rei, Proença-a-Nova e Oleiros (Castelo Branco),Pampilhosa da Serra, Góis e Oliveira do Hospital (Coimbra) e Trancoso (Guarda).

O IPMA colocou também em risco elevado de incêndio vários concelhos dos distritos de Faro, Évora, Beja, Setúbal, Santarém, Leiria, Portalegre, Castelo Branco e Guarda.