Um salmão com 13 quilos de peso e um metro de comprimento, caso raro no rio Minho, foi capturado em Vila Nova de Cerveira, por dois pescadores locais.

Em comunicado, a Câmara Municipal salienta tratar-se de "um caso raro pelo peso e pela dimensão", relembrando que outrora o rio era fértil em exemplares semelhantes.

De acordo com os registos históricos, nas décadas de 60 e 70 era normal capturarem-se salmões no rio Minho com cerca de 20 quilos. No entanto, e apesar dos poucos indicadores relativos aos últimos anos, estima-se que estes casos são muito raros, sendo a dimensão mais comum entre os quatro e oito quilos", sustenta a Câmara de Cerveira, município do distrito de Viana do Castelo.

O salmão, entretanto adquirido por um restaurante local, foi capturado "na noite da terça para quarta-feira pelas redes de dois irmãos pescadores, Jorge e Ricardo Alves, naturais de Vila Nova de Cerveira, quando se encontravam no porto pesqueiro da Furna na União de Freguesias de Campos e Vila Meã".

Antes deste exemplar outros foram capturados naquele rio internacional nos últimos dias, embora de menor dimensão e que são servidos à mesa dos restaurantes locais aos apreciadores deste prato", refere o comunicado da autarquia.

O município acrescenta que, após ter tido conhecimento desta captura, registou fotograficamente o exemplar, para conhecimento científico a integrar o Aquamuseu do rio Minho", situado no concelho.