O que comemos tem influência no envelhecimento da nossa mente? Sim, sem dúvida. É o que diz Martha Clare Morris. A epidemiologista e nutricionista norte-americana descobriu que a chamada dieta MIND é muito útil para a memória. Não só reduz a incidência da doença de Alzheimer e melhora a memória e as funções cognitivas, como aumenta o tempo de vida, ajuda a perder peso e reduz o risco de doença cardiovascular, refere o jornal espanhol El País.

Em inglês, a sigla MIND significa Mediterranean-DASH Diet Intervention for Neurodegenerative Delay. Ou seja, remete para uma dieta que combina Mediterrâneo e DASH (na sigla em inglês: Dietary Approaches to Stop Hypertension, cujo objetivo é baixar a hipertensão), para retardar o aparecimento de distúrbios neurodegenerativos. A dieta MIND preconiza que se devem evitar ao máximo a carne vermelha, a manteiga e a margarina, o queijo, os produtos de padaria, os fritos e a “junk food”.

Estes são os dez alimentos recomendados especialmente para o cérebro:

Vegetais de folhas verdes: se está farto de comer ovos mexidos com espinafres, tente comê-los crus numa salada com queijo e nozes. Nem vai notar que está a comer algo saudável.

Outros vegetais: legumes assados, gaspacho… A gastronomia está cheia de receitas com legumes que são um deleite para o paladar.

Salada grega

Azeite: o “ouro líquido” produzido a partir da azeitona é a base da cozinha mediterrânica. Bom para o coração, o sistema digestivo e sabe-se agora para a memória. Do sabor não há nada a dizer, a não ser que é incomparável.

Azeite

Bagas silvestres: sobretudo arandos. Mas também amoras, framboesas e outros frutos do bosque.

Mirtilos

Peixe: especialmente azul, como a sardinha ou o salmão. Receita rápida: filé de salmão, rodelas de limão, azeite e especiarias, 10 minutos no forno a 220 graus. É mais rápido e melhor do que encomendar uma pizza.

Salmão

Legumes: por exemplo, uma receita originária do Médio Oriente: o húmus, que é uma pasta de grão de bico . Acompanhar com torradas, cenoura crua, aipo ... Embora seja tão bom que vai querer comê-la à colher.

Grão de bico
Mercado de legumes

Nozes: os frutos secos melhoram a função cardíaca, são benéficos na luta contra o cancro, reduzem o risco de Alzheimer. Os frutos secos não são apenas ingredientes de sobremesas e saladas. Atreve-se a comer um arroz vermelho com abóbora, cogumelos e nozes?

Nozes

Cereais integrais: constituem um pequeno-almoço perfeito.

Cereais

Carne branca: frango ou perú, você escolhe. Além de clássicos como a salada Caesar e bifes grelhados, pode complicar a sua vida com um guisado ou um estufado, perú com laranja ou coxas de frango no forno. Ou não.

Frango assado

Copo de vinho: um por dia.