“Está demonstrado que só acabando com as portagens de vez e não é com a redução do tarifário das portagens como propõe o PSD e também o PS”, explicou o líder da CUVI, João Vasconcelos, apontando que em 2015 já se contabilizam 27 mortes na Estrada Nacional (EN) 125 que serve de alternativa gratuita à A22.






“Portanto, temos portagens para os portugueses pagarem, para o povo pagar”, afirmou.


“O senhor Presidente não levantou um único dedo de oposição a umas ruinosas e desastrosas portagens no Algarve. Aliás, até incentivou e abençoou essa desgraça que se abateu sobre a nossa região”, lê-se na cópia do documento que foi facultada à Lusa.