Um barco de recreio virou-se, na Parede, Cascais, com 10 pessoas a bordo, confirmou fonte do CDOS à TVI. Os passageiros da embarcação já estão em segurança.

A estrada Marginal foi cortada nos dois sentidos na sequência do acidente, segundo o comandante da Capitania do Porto de Cascais, Pereira da Terra, tendo reaberto cerca das 17:25.

Segundo o porta-voz da Autoridade Marítima Nacional disse à TVI, os dois tripulantes da embarcação são portugueses, enquanto os passageiros são turistas finlandeses, todos da mesma família. Os feridos foram transportados para o Hospital de Cascais.

O comandante Pereira da Fonseca acrescentou ainda que apresentam todos escoriações leves e sinais de hipotermia e que todos usavam o colete de segurança.

A mesma fonte adiantou que a embarcação se terá aproximado demasiado da orla, tendo chocado com uma zona de pedras.

O alerta foi dado às 13.12. O barco tinha saído com os turistas da Doca de Belém, em Lisboa, em direção a Cascais e já estava a regressar quando se deu o acidente.

A embarcação ficou destruída e foi retirada do mar pelas autoridades. 

Quanto ao derrame de combustível, o comandante do Porto de Cascais calcula que, como a embarcação já tinha feito a maior parte do percurso, não ultrapasse os 10 litros.

No local estão 34 elementos dos bombeiros, Autoridade Marítima e INEM, apoiados por 14 veículos e 2 embarcações.