Mais de 22 mil alunos, que concluíram este ano o ensino secundário, já se candidataram a lugar nas universidades e institutos politécnicos no próximo ano letivo, de acordo com os dados estatísticos divulgados pela Direção-Geral do Ensino Superior.

Segundo os números divulgados, entre 17 e 24 de julho, 22.435 estudantes formalizaram a sua candidatura ao ensino superior, valor ligeiramente superior ao registado em igual período do ano passado quando, ao fim da primeira semana, os serviços já tinham registado 19.871 candidaturas.

A primeira fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior arrancou a 17 de julho e decorre até 8 de agosto, com 50.820 vagas a concurso, um número que não era tão baixo desde 2008.

Universidades e politécnicos públicos vão disponibilizar, para os candidatos ao ensino superior, na primeira fase do concurso nacional, 50.820 vagas, nos 1.067 cursos que abrem em 2014-2015, menos 641 lugares do que os 51.461 colocados a concurso no ano letivo de 2013-2014.

De acordo com a informação disponibilizada pelo Ministério da Educação e Ciência (MEC), o número total de vagas disponíveis para a primeira fase do concurso nacional de acesso está a cair desde 2011, ano em que foram a concurso 53.500 lugares.

Também o número de alunos candidatos ao ensino superior tem vindo a diminuir desde 2010, havendo em 2012 menos 6.739 concorrentes do que naquele ano, de acordo com dados apurados no final da terceira fase.