A circulação automóvel foi retomada às 19:30 na Ponte Açude de Coimbra, mas apenas no sentido norte-sul, prosseguindo os trabalhos de desobstrução da via, disse este domingo uma fonte da PSP à agência Lusa.

O trânsito naquela travessia do rio Mondego “continua cortado no sentido sul-norte”, entre a margem esquerda e a direita, não sendo ainda possível prever para quando a abertura total da via, adiantou a fonte.

O trânsito foi interrompido na manhã deste domingo na Ponte Açude, pouco depois das 10:30, após um camião ter tombado, tendo a carga caído sobre o separador central já próximo do tabuleiro, disseram fontes dos Bombeiros e da PSP.

O veículo sinistrado provinha do lado de Taveiro, a sul da cidade de Coimbra, e "transportava vigas metálicas de grandes dimensões" que caíram no pavimento.

Devido à obstrução da via e para permitir a limpeza da via, bem como a remoção da viatura e da carga, a circulação automóvel ficou cortada nos dois sentidos, provocando congestionamentos do tráfego da zona, nas duas margens do rio. Não resultaram feridos do acidente".

O camião sinistrado transportava uma carga de entre 25 e 30 toneladas, constituída por seis estruturas metálicas, segundo uma fonte dos Bombeiros Sapadores de Coimbra.

Ao fim da tarde, acompanhando os trabalhos de desobstrução, quatro elementos e uma viatura dos Bombeiros Sapadores permaneciam no local.