O mês de maio foi o mais quente no planeta desde que se começaram a registar temperaturas, em 1880, divulgou, esta segunda-feira, a agência norte-americana responsável pelos oceanos e atmosfera.

A temperatura média do planeta foi de 15,54 graus centígrados, 0,74 graus acima da média do século XX, de acordo com a agência National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA). O recorde anterior tinha sido estabelecido em 2010.

«A maior parte do mundo teve temperaturas mais quentes que a média mensal, com temperaturas altas recorde no leste do Cazaquistão, em partes da Indonésia, e no centro e noroeste da Austrália», comunicou a NOAA.