O incêndio que deflagrou esta terça-feira à tarde num aterro de resíduos industriais na Chamusca, distrito de Santarém, foi dominado ao início da noite, segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém.

O incêndio foi "circunscrito e dominado" às 20:44, sete horas depois de ter tido início numa das células de exploração da empresa Ribtejo - Tratamento e Valorização de Resíduos Industriais, adiantou a fonte.

A matéria combustível era composta por resíduos sólidos urbanos transformados em pilhas de lixo compactado.

A mesma fonte do CDOS de Santarém adiantou à Lusa que as próximas horas serão de rescaldo dado que são esperados reacendimentos.

"Os reacendimentos vão ser muitos, pela natureza da matéria e do combustível ali acumulado, pelo que os trabalhos de rescaldo e conclusão final do incêndio vão ser demorados", acrescentou.

O presidente da Câmara da Chamusca, Sérgio Carrinho, disse à agência Lusa que o incêndio terá resultado de um derrame de gasóleo e das altas temperaturas, associados ao funcionamento de um motor.