TVI.

O alerta para a descoberta foi dado pelas 12:15 quando os funcionários daquele aterro, "no decurso dos trabalhos", encontraram "o cadáver no interior de uma mala metálica". 

"O bebé teria mais de 20 semanas, era do sexo masculino e tinha entre 50 a 60 centímetros de altura. São desconhecidas as causas da morte e o autor também é desconhecido."

Os trabalhos foram suspensos de imediato e a delegada de Saúde de Vila Nova de Gaia deslocou-se ao local para confirmar o óbito.

Pelas 18:00 o corpo do bebé foi removido pelos Sapadores Bombeiros de Gaia que, segundo um dos operacionais, o transportaram para o Instituto de Medicina Legal.

O caso foi entregue à PJ do Porto, que ainda se encontra no local.