O Tribunal de Bragança decretou a prisão preventiva de um cadastrado de 69 anos detido por suspeita de tráfico de droga, informou esta sexta-feira a PSP.

O indivíduo, de Bragança, foi apanhado pela polícia com o equivalente a 310 doses de cocaína quando chegava àquela cidade, provindo do Porto, onde se terá deslocado para comprar a droga, que foi apreendida, junto com a viatura em que deslocava e dois telemóveis.

De acordo com a Polícia, o indivíduo chegou a ser procurado pela Interpol e cumpriu pena de prisão, entre outros, pelo crime de tráfico de seres humanos relacionado com a exploração de mulheres na prostituição.

O Comando Distrital da PSP revelou que, durante o ano de 2017, na sua área de jurisdição, as cidades de Bragança e Mirandela, deteve 14 cidadãos suspeitos da prática do crime de tráfico de estupefacientes, apreendendo cerca de 5700 doses dos vários tipos de droga.