Um homem de 62 anos morreu esta terça-feira soterrado quando trabalhava numa vala para um sistema de saneamento em Vale da Madre, concelho de Mogadouro, distrito de Bragança, disse à Lusa fonte dos bombeiros.

O alerta foi dado cerca de 10:00 e resultaram infrutíferas as várias tentativas de reanimação do homem, frisou o adjunto dos bombeiros de Mogadouro, José Carrasco.

"A dificuldade foi mesmo retirar a vítima do local, já que estava coberta com blocos de pedra de dimensão significativa. Foi uma operação que teve de ser executada com recurso a uma retroescavadora que se encontrava na obra", disse a fonte.

No local estiveram quatro operacionais dos bombeiros de Mogadouro apoiados por três viaturas.
As operações de socorro envolveram ainda uma ambulância de suporte imediato de vida do INEM, estacionada em Mogadouro.

A GNR tomou conta da ocorrência.