Notícia atualizada às 00:36

A queda de um muro junto à Universidade do Minho, em Braga, causou três mortos e quatro feridos ligeiros esta quarta-feira ao final da tarde.

Polícia investiga disputa entre cursos na morte de três alunos da Universidade do Minho

Fonte dos Bombeiros Sapadores de Braga confirmou ao tvi24.pt o número de mortos e que o ferido grave foi encaminhado para o hospital de Braga.

Já fonte do hospital de Braga confirmou, ao tvi24.pt, que os feridos estão livres de perigo: os ligeiros sofreram apenas escoriações e o ferido mais grave, com suspeitas de fraturas, que não se confirmaram, passou a ligeiro, sem inspirar cuidados de maior.

Mais tarde, chegou um quarto ferido, também ele ligeiro. De acordo com a mesma fonte, «alguns dos feridos ainda estão a ser sujeitos a exames» e por isso continuam no hospital.

De acordo com a Proteção Civil, em declarações à imprensa no local, as vítimas são jovens com idades entre os 18 e os 21 anos, estudantes da Licenciatura de Engenharia Informática, todos do sexo masculino.

Segundo a agência Lusa, o alerta para o acidente foi dado pelas 19:44 e as vítimas ficaram soterradas. De acordo com a Proteção Civil, as vítimas foram apanhadas pela derrocada do muro quando passavam pelo local.