Uma pessoa ficou desalojada e 15 foram assistidas no hospital devido a um incêndio que deflagrou às 07:19 de hoje num segundo andar na Rua Celestino Alves, em Setúbal, informou o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS).

Segundo o coordenador da Proteção Civil Municipal de Setúbal, José Luís Bucho, além dos 15 feridos ligeiros, transportados ao Hospital São Bernardo, cinco pessoas foram assistidas no local, todas por inalação de fumos.

O incêndio foi considerado extinto pouco antes das 08:00.

O responsável pela Proteção Civil Municipal referiu ainda que que a única pessoa desalojada, moradora no segundo andar onde deflagrou o incêndio, está a ser acompanhada pela Segurança Social, não se sabendo ainda se irá ser realojada ou se vai permanecer em casa de familiares.

Apesar do incêndio, o prédio, de sete pisos, continua a ter condições de habitabilidade, pelo que todos os moradores foram autorizados a regressar a casa, com exceção da pessoa que reside que reside na fração onde ocorreu o incêndio.

No combate ao incêndio estiveram envolvidos 36 operacionais dos Bombeiros Sapadores e Voluntários de Setúbal, Cruz Vermelha, Instituto Nacional de Emergência Medica (INEM) e PSP, apoiados por um total de 17 veículos.