O incêndio na serra do Caramulo, no distrito de Viseu, que tinha sido dominado no início da madrugada de hoje reacendeu e está já a mobilizar 359 bombeiros no combate às chamas, segundo a Proteção Civil.

Este incêndio que deflagrou na quarta-feira já provocou a morte de uma jovem bombeira de Alcabideche e feriu com gravidade outro elemento da corporação do Estoril, que se encontra internado na unidade de queimados do Hospital de S. João, no Porto, com «prognóstico muito reservado».

Dois outros bombeiros de Alcabideche ficaram feridos no combate ao mesmo fogo que lavra desde quarta-feira.

Na madrugada de hoje, o fogo foi dominado pelas 00:47, quando estavam no terreno 324 operacionais, apoiados por 93 viaturas voltando a reativar às 6:11.

A Proteção Civil acionou um helicóptero bombardeiro pesado às 06:50 e dois aviões bombardeiros pesados anfíbios franceses às 07:45.

De acordo com a Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), o combate a este incêndio está ainda ser feito por 359 bombeiros apoiados por 100 veículos operacionais.