A PSP do Porto deteve no domingo à noite um indivíduo na Senhora da Hora, em Matosinhos, por tentativa de assalto com arma de fogo a um posto de abastecimento de combustíveis.

Fonte da PSP do Porto afirmou hoje à Lusa que o detido, conhecido como «Siga», uma alcunha que nasceu pelo facto de o homem «fugir com frequência à polícia», foi «maniatado por dois funcionários do posto», localizado perto da Quinta das Sedas, naquela freguesia de Matosinhos, distrito do Porto.

O suspeito, que recentemente saiu da prisão, onde já passou mais de uma década a cumprir penas por roubos, entrou pelas 21:30 naquele posto de abastecimento de combustíveis, com um passa-montanhas na cabeça, ameaçou com um revólver carregado um dos funcionários, tendo-se apoderado de 15 euros que se encontram na caixa.

«Quando a PSP chegou ao local, o indivíduo encontrava-se retido por dois funcionários», disse a fonte, acrescentando que, assim que «Siga» virou as costas para abandonar o estabelecimento, um dos funcionários derrubou-o e um outro ajudou a manietá-lo, tirando-lhe a pistola.


A mesma fonte da PSP do Porto referiu que «Siga» é já bem conhecido pela polícia, uma vez que desde a adolescência que assaltava carros.

Os 15 euros que estavam na caixa da gasolineira foram recuperados e o caso foi já entregue à Polícia Judiciária.