Um antigo estudante de doutoramento da Universidade de Coimbra (UC) é suspeito de ter agredido hoje uma professora com um machado, por não se conformar com o corte da sua bolsa, informou fonte da assessoria de imprensa da instituição.

O ex-doutorando, estrangeiro e que terá cerca de 30 anos, «dirigiu-se ao gabinete da professora», no Departamento de Física da UC, por volta das 15:00, e «desferiu dois golpes com um machado no braço» da docente, após ter também feito «algumas ameaças nos serviços académicos» da instituição do ensino superior, explicou a fonte.

Segundo a mesma fonte, o antigo doutorando «não se conformou» com o corte da bolsa da Fundação para a Ciência e Tecnologia.

O ex-aluno era tido como «um estudante problemático, mas nunca teve uma atitude que previsse este desfecho», sublinhou.

«Será pedido ao reitor para intervir e interditar o acesso do estudante às instalações» da UC, mas não haverá um processo disciplinar por o antigo aluno já não pertencer à instituição, referiu a fonte da assessoria de imprensa da UC.

De acordo com fonte da Polícia de Segurança Pública (PSP), o aluno encontra-se na 2.ª esquadra da PSP de Coimbra para interrogatório.

A professora do Departamento de Física foi levada para o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra.