A Guarda Nacional Republicana (GNR) anunciou este sábado o reforço do patrulhamento nos acessos rodoviários ao Estádio da Luz, onde vai ser disputado no domingo o jogo entre Benfica e FC Porto, da 15.ª jornada da I Liga de futebol.

Em comunicado, a GNR refere que vai desencadear este sábado e domingo esta operação, «destinada a implementar medidas de segurança na sua área da sua responsabilidade», com o «objetivo manter a ordem e a segurança das equipas e de todos os adeptos, sobretudo dos grupos organizados de adeptos, durante os deslocamentos de ida e de regresso».



«A operação irá envolver um efetivo de aproximadamente 400 militares dos comandos territoriais, da Unidade Nacional de Trânsito, da Unidade de Intervenção (UI) e da Unidade de Segurança e Honras de Estado (USHE)», acrescenta a força militar.

Entre as ações a promover, a GNR destaca o «patrulhamento intensivo» nas autoestradas A1, A8, A17 e A29 e nas áreas de serviço, em que «se prevê maior afluência de adeptos».

Além disso, a GNR vai proceder ainda à «ocupação das passagens aéreas das autoestradas durante os períodos críticos», ao «policiamento no interior do comboio especial, que partirá de Braga com destino a Lisboa, bem como das estações ferroviárias na área da responsabilidade da Guarda».

Benfica e FC Porto, que repartem a liderança da I Liga com o Sporting, com 33 pontos, após 14 jogos, defrontam-se no domingo, a partir das 16:00, no Estádio da Luz, em Lisboa, em encontro da 15.ª jornada da competição.