Uma bebé de um mês foi abandonada, quarta-feira, numa paragem de autocarro junto ao Hospital da Prelada, no Porto, e em frente a uma esquadra da PSP.

A recém-nascida estava sem roupa, embrulhada num cobertor e dentro de um saco térmico, escreve o JN nesta sexta-feira.

A menina foi encontrada por Edgar Azevedo, de 29 anos, à saída de um autocarro naquela paragem, que a levou de imediato para a esquadra do Carvalhido.

A bebé não tinha qualquer identificação ou bilhete e tinha sido alimentada antes de ser ali deixada. Foi levada para o serviço de pediatria do Hospital de São João.

A Polícia Judiciária já tomou conta do caso.