Cinco praias entre Silves e Albufeira, no Algarve, estão interditadas a banhos devido à contaminação da água do mar causada pela abertura da ribeira de Alcantarilha, disse esta sexta-feira à Lusa fonte da Autoridade Marítima.

Segundo a mesma fonte, a última bandeira vermelha a ser hasteada foi na praia de Vale do Olival, Silves, cerca das 16:30, mas antes disso já tinham sido afetadas, desde manhã, as praias de Armação de Pêra, Praia Grande, Salgados e Galé Poente, que foram sendo interditadas ao longo do dia.

A fonte precisou que a contaminação ficou a dever-se à abertura da ribeira de Alcantarilha, cuja ligação ao mar costuma estar interrompida no verão para não afetar as zonas balneares, mas que na quinta-feira foi restabelecida para fazer escoar água, devido ao aumento do leito, causado pela chuva de quinta-feira.

Aquela ribeira, que desagua no mar junto a Armação de Pêra, é também o local onde há algumas semanas eclodiu um foco de mosquitos que tem afetado as praias da zona e se alastrou das zonas balneares do concelho de Silves para o de Albufeira.

A abertura da ribeira foi determinada pela autarquia e pela delegação regional da Agência Portuguesa do Ambiente, que procederá à análise da qualidade das águas balneares até que a normalidade seja reposta.

A mesma fonte acrescentou que as bandeiras vermelhas vão manter-se hasteadas pelo menos até sábado de manhã, altura em que a situação será reavaliada.