Depois de serem detidos duas vezes no mesmo dia, dois assaltantes voltaram a ser apanhados pela GNR um dia mais tarde. 

Os dois homens, de 20 e 27 anos, foram primeiramente detidos por terem roubado um carro, na Quinta do Conde, em Sesimbra. Segundo o comunicado do Comando Territorial da GNR de Setúbal, foram abordados às 12:30, numa "viatura suspeita constatando, no ato de fiscalização, que a mesma constava como furtada". 

Foram detidos e libertados "por ordem de Autoridade Judiciária", tendo a obrigação de se apresentarem em Tribunal esta quarta-feira.

Horas mais tarde assaltaram um stand de automóveis, tendo sido apanhados em flagrante delito. A segunda detenção aconteceu em Azeitão, em Setúbal, na noite de terça-feira. Quando foram abordados, os jovens tinham "na sua posse sete chaves de veículos".

A GNR voltou a detê-los, mas voltaram a ser libertados com nova ordem para comparecerem esta quarta-feira no Tribunal Judicial de Setúbal, sujeitos à medida de coação de termo de identidade e residência,

Esta quarta-feira, os dois homens não só não se apresentaram no Tribunal como voltaram a realizar novo assalto. 

De acordo com informação da GNR, terão furtado mais uma viatura, em Palmela, localizada hoje ao princípio da tarde por elementos do Comando Territorial de Santarém.

Os dois homens acabaram detidos pela terceira vez no espaço de dois dias, não se sabendo ainda se vão ficar sob detenção ou se vão apenas ser notificados para comparecerem em tribunal.

Para agravar o caso, há ainda "fortes indícios" de os dois estarem envolvidos noutro roubo.

"Das diligências efetuadas e pelas caraterísticas da viatura, existem fortes indícios de que os indivíduos estejam envolvidos em furtos de máquinas de tabaco, no dia anterior, dia 26 de março, em três estabelecimento na zona de Almeirim", lê-se ainda no comunicado.