O avião da Israir, arrestado no aeroporto de Lisboa na segunda-feira, foi libertado na terça-feira à noite.

Houve acordo entre a Euroatlantic e a Israir, quanto à dívida que esta última tinha para com a transportadora portuguesa, disse à Lusa um porta-voz da companhia aérea liderada por Tomaz Metello.

O "Diário Económico" tinha noticiado hoje no seu site que o avião da Israir tinha sido libertado na terça-feira.

O aparelho, um Airbus A320 da companhia israelita Israir, tinha sido impedido de regressar a Tel Aviv por dívidas à Euroatlantic, na última segunda-feira.

Nesse dia, o presidente da transportadora, Tomaz Metello, indicou à Lusa que em causa estava uma dívida de “vários milhões de euros”, reconhecida pelo Supremo Tribunal em dezembro passado, mas ainda não paga pela Israir.

Tomaz Metello explicou ainda que o presidente da companhia israelita se deslocaria a Lisboa no dia seguinte, terça-feira, para uma tentativa de acordo.

Segundo o porta-voz da Euroatlantic, a companhia vai divulgar ainda hoje um comunicado sobre esta situação.