Uma loja de conveniência de um posto de abastecimento de combustíveis de Viana do Castelo foi assaltada durante a madrugada de sábado, num prejuízo que o proprietário estima ser superior a 3.000 euros.

O assalto, segundo relatou à agência Lusa o dono do estabelecimento, António Amaral, aconteceu junto ao posto de abastecimento de combustíveis na Estrada Nacional 308, no lugar das Neves, na freguesia de Mujães, na periferia da cidade de Viana do Castelo.

«Partiram o vidro de uma das portas da loja de conveniência, algures durante a madrugada, e depois levaram de tudo o que havia no interior. Estamos a falar de milhares de euros em volumes de tabaco ou produtos alimentares», explicou ainda o proprietário.

Numa altura em que ainda está a fazer contas ao prejuízo, estima que o assalto, um dos vários que sofreu na área daquele posto só em 2013, tenha provocado um prejuízo «superior a 3.000 euros».

«Desta vez foi a loja e não levaram combustível, como de tantas outras vezes. Mas a situação já se tornou insustentável, face aos prejuízos constantes com estes assaltos», acrescentou António Amaral.

A investigação a este caso está entregue à GNR de Viana do Castelo.